Bolsonaro defende volta do Auxílio Emergencial: "Nosso povo ainda está em uma situação complicada"

 

Bolsonaro
Foto: Reprodução | Internet

O presidente Bolsonaro defendeu, nesta segunda-feira (8), o aguardado retorno do Auxílio Emergencial.

Segundo o presidente, conversas para a retomada do auxílio emergencial ou algum tipo de ajuda financeira a pessoas que ficaram desamparadas durante a pandemia corrente já se iniciaram.

"Estamos negociando com Onyx Lorenzoni, Paulo Guedes, (Rogério) Marinho, entre outros, a questão de um auxílio ao nosso povo que está ainda em uma situação bastante complicada", disse o presidente.

Bolsonaro diz também que não vai pôr os pés pelas mãos e terá cautela ao voltar com auxílio.

"Sabemos que estamos, Paulo Guedes, no limite do nosso endividamento e devemos nos preocupar com isso. [...] Temos um cuidado muito grande com o mercado, com os investidores e com os contratos, que devem ser respeitados", destacou Bolsonaro.

A declaração do Bolsonaro foi feita em cerimônia no Palácio do Planalto da qual participaram os novos presidentes da Câmara, Arthur Lira, e do Senado, Rodrigo Pacheco; seus aliados e defensores da retoma do auxílio.

Vale lembra que o auxílio foi a única fonte de renda de milhões lares brasileiros que foram severamente afetados com a crise causada pela pandemia.

Você concorda com a volta do Auxílio? Deixe sua opinião nos comentários!

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

Acima do Post

Below Post Ad