São Paulo vive dia de repúdio contra João Doria e sua vacina obrigatória

Fora Doria
Foto: Reprodução | Internet
Este primeiro domingo de novembro foi marcado por manifestações de repúdio contra contra o governador do Estado, João Doria (PSDB), e a sua proposta de vacinação obrigatória contra o covid-19.

Multidão de manifestantes que se reuniram na Avenida Paulista declaravam o fim da ideia de obrigar a população se vacinar, imposta por João Doria, e negavam a aceitação da vacina chinesa, a Coronavac.

“Contra o autoritário e embaixador chinês João Doria, ele quer implantar agora a vacina compulsoriamente contra a nossa vontade”, disse André Petros, um dos manifestantes ali presente.

"Isso não existe em lugar nenhum do mundo, nem na China essa vacina é compulsoriamente aplicada nas pessoas”, concluiu Pretos, em conversa com a agência Reuters.

"Doria defendeu reiteradamente a vacinação obrigatória da população paulista contra o Covid-19.

O posicionamento de Doria foi duramente criticado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, que prometeu que a vacina no Brasil será voluntária.", informa o Terra Brasil Notícia.

Qual sua opinião?

Postar um comentário

3 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.
  1. São Paulo nunca teve um governador tão filha puta igual a esse .
    Não se pode nem ser chamado de político.
    Pode ser chamado de trambiqueiro...

    ResponderExcluir
  2. São Paulo nunca teve um governador tão filha puta igual a esse .
    Não se pode nem ser chamado de político.
    Pode ser chamado de trambiqueiro...

    ResponderExcluir

Acima do Post

Below Post Ad